COLUNA TEXTOS VIDA IMAGENS RECADOS

PSD convocado a defender regime

BRASÍLIA - O PSD está sendo convocado a dar uma contribuição mais efetiva à consolidação do Poder Civil, oferecendo ao Presidente Castelo Branco e à revolução não apenas a colaboração representada pelo voto aos projetos de emenda constitucional e de leis da iniciativa do Govêrno, mas também uma sustentação política tida, agora, como indispensável. O Sr. Martins Rodrigues debateu ontem o assunto, novamente, com o Sr. Adauto Cardoso e com o líder Ernâni Sátiro, num almôço a três, destinado a um exame da situação, sem preconceitos partidários.

A iniciativa udenista, de convocar o PSD a uma colaboração mais íntima com o Presidente, na medida em que possa identificar, no fortalecimento do Govêrno, uma condição sine qua non da permanência das instituições democráticas, ocorreu em seguida ao episódio do manifesto do Sr. João Goulart, lido da tribuna da Câmara, ainda que a contragosto, pelo líder do PTB.

As reações provocadas pelo manifesto deixaram mais uma vez [...]
29/08/1964

Na véspera da posse do Costa e Silva, o Otto Lara Resende, que era adido cultural em Lisboa, voltou ao Brasil e lançou um slogan: " Basta de intermedários, Lincoln Gordon para Presidente"!

Carlos Castello Branco, o repórter do Brasil
Texto de Zózimo Tavares

"O Piauí teve, sim, outros expoentes, mas foi Carlos Castello Branco, o menino da Rua da Glória, a nossa glória maior”

Durante mais de meio século, ele foi o repórter político do Brasil. Um repórter que soube interpretar o país, na agonia de duas ditaduras e na esperança de duas redemocratizações; no suicídio de um presidente da República (Getúlio Vargas), na renúncia de outro (Jânio Quadros), na deposição de mais um (João Goulart) pelas armas e no impeachment de outro (Fernando Collor) pelas armações. [+]

Ao metre
Texto de Merval Pereira

No dia 25, o jornalista Carlos Castello Branco, uma espécie de patrono dos colunistas políticos brasileiros, o maior entre nós todos, teria feito 90 anos. Reproduzo aqui trechos do prefácio que escrevi para a reedição de seu livro clássico “Os militares no poder”, da Editora Record. E adianto que brevemente estarei lançando um livro, pela mesma editora, com o título de “O lulismo no poder”, uma homenagem ao mestre. [+]

Na seção TEXTOS você encontra todas as "Colunas do Castello" publicadas diariamente entre os anos de 1963 a 1993, além de entrevistas, discursos e correspondências. [+]

Os fatos narrados de forma precisa, clara e direta.
Desde Jânio Quadros até Fernando Henrique Cardoso.
[+]